“Aceita-me como companheira:

que eu tenha a alegria de conduzir a Ti as almas,

que eu Te ajude na missão redentora”

Madre Maria Teresa de Jesus Cortimiglia

(1867-1934)

Fundadora das  Irmãs Franciscanas de Santa Clara.

Alma enamorada da Sagrada Paixão de Jesus,

e especialmente devota do Seu Santíssimo Nome.

Madre Maria Teresa de Jesus Cortimiglia nasceu em Corleone (Palermo), na Itália, em 07 de fevereiro de 1867. Desde a idade de 11 anos sentiu fortemente a vocação religiosa, mas os seus pais se opuseram energicamente ao seu desejo de se consagrar ao Senhor.

Serva de Deus Madre Maria Rosa Zangara (1844-1914), grande mística e fundadora das Filhas da Misericórdia e da Cruz

Em 24 de junho de 1891, com a permissão do Arcebispo de Monreale, obtém de sua família, poder vestir o hábito das Clarissas, com a condição que, embora vivendo como religiosa, permanecesse em família. Mas depois de alguns anos, diante de sua firmeza, sua família permitiu-lhe entrar a fazer parte da Congregação das Filhas da Misericórdia e da Cruz. Foi acolhida amavelmente pela Serva de Deus Madre Maria Rosa Zangara, a qual, por divina revelação, lhe predisse que iria fundar um novo Instituto. Nos anos que seguiram, a Madre Teresa foi Superiora em diversas Casas, dedicando-se com incansável zelo a assistência material e espiritual dos pobres e dos necessitados, obtendo de Deus surpreendente conversões.

 

download

Servo de Deus Mons. Antonio Augusto Intreccialagli (1852 – 1924), Arcebispo de Monreale

Entretanto, o Senhor andava preparando a fundação do novo Instituto. Mas a Madre Teresa, considerando-se inapta e indigna para uma tarefa tão alta, demorava a abandonar o Instituto. Afetada por grave e misteriosa doença que a reduziu ao fim da vida, foi curada milagrosamente apenas prometeu ao Senhor que não atrasaria mais a realização de suas vontades. Voltou portanto a sua família, onde na oração e na penitência esperou preparar as bases da nova instituição [As Franciscanas de Santa Clara]. O novo Instituto, de quem logo entraram a fazer parte outras moças, foi definitivamente aprovado em 01 de abril de 1923, pelo Arcebispo de Monreale, o Servo de Deus Mons. Augusto Antonio Intreccialagli.

 

Em 01 de junho de 1934, renovada a oferta de sua vida pelo mundo corrompido e pelos pecadores obstinados,  predita a época da sua morte, serenamente entregava sua alma a Deus, depois de ter exortado as Filhas a continuar a Obra e a viver santamente a sua consagração. Um aroma acentuado de lírios se derramou por toda a casa, vindo a confirmar a pureza e a santidade daquela alma, que voara ao divino abraço.

madre4

Venerável Madre Maria Teresa

Logo se difundiu a fama  de sua santidade e as graças obtidas por sua intercessão foram tantas que em 19 de maio de 1960, em Monreale, se abriu o Processo Diocesano sobre as suas virtudes heroicas. Em 21 de dezembro de 1998, na presença do Santo Padre João Paulo II, lhe foi atribuído, da Congregação das Causas dos Santos, o título de VENERÁVEL.

[A Venerável Madre Maria Teresa de Jesus tinha uma grande amor e devoção ao Santíssimo Nome de Jesus, a quem destinou uma belíssimo oração: Coroinha ao Santíssimo Nome de Jesus]

 

Súplica a Santíssima Trindade

para pedir a beatificação da Venerável Madre Maria Teresa Cortimiglia

Santíssima Trindade, Vos adoramos, louvamos, agradecemos por todos os dons e graças concedidos a Vossa Serva Madre Teresa. Dignai-vos, Vos suplicamos, manifestar nela o poder de Vosso amor e a grandeza de vossas misericórdias. Concluí a obra por Vós inciada ao exaltar as suas virtudes, a fim de que possa ser elevada a honra dos altares.

Tal glorificação virá a aumentar a glória de Vosso Santíssimo Nome e a fazer orientar inumeráveis almas para a luz da Igreja Católica. Amém

Três Glórias.


Oração a Santíssima Trindade

para obter graças e a glorificação da Venerável Madre Teresa,

Fundadora das Irmãs Franciscanas de Santa Clara

 

Ó Santíssima Trindade, Pai, Filho e Espírito Santo, por intercessão da Vossa serva Madre Teresa, dignai-vos escutar benevolamente a oração que nós vos dirigimos e concedei-nos as graças… das quais temos necessidade, a fim de que n´Ela seja glorificado o Vosso Santo Nome . Amém.

Pai Nosso, Ave Maria, Glória.

Fonte: http://www.franciszkankiswklary.ofm.pl/