Oferecimento ao Sagrado Coração de Jesus, para primeira sexta-feira de cada mês

(Madre Madalena da Reparação, Fundadora da “Família de Corde Jesu”)

Dulcíssimo, amantíssimo e sacratíssimo Coração de Jesus, meu Senhor e meu Deus, meu Esposo entre milhares escolhido. Ó, meu Divino Redentor, neste dia que tu mesmo escolheste e designaste para teu culto. Recebe todas as penas, amarguras e enfermidades que sofremos oferecendo-as a Ti. Hoje,  as  apresentamos a Ti todas unidas com as dores e trabalhos de tua Santíssima Paixão, para que em Teu Coração as guardes e as apliques segundo Teu divino beneplácito: pela conversão dos pecadores e as necessidades da Igreja Santa e as demais intenções do Teu Divino Coração. Recebe, ó, Senhor, estas pequenas cruzes e une-as com a Tua para que nos mostremos verdadeiras enamoradas e esposas de um Deus crucificado.

Coração de Jesus, meu Salvador.

Fazei que arda e cresça em mim o Teu santo amor . [1]


Salmo 50

(Devoção ao Miserere)

Estando esta alma na Igreja de São Francisco de Paula assistindo a Santa Missa às sete da manhã, em 27 de Abril de 1916, e pedindo a Nosso Senhor que já tivesse misericórdia e nos perdoasse, lhe pareceu que lhe respondeu: “Se se reza com constância e devoção o Salmo Miserere alcançarão o perdão; faça o que possa para propagar esta devoção.”

(Dos escritos da Madre Maria Madalena da Reparação)


[1] Veja-se a inspiração desta belíssima oração em: Alguns escritos da Serva de Deus Madre Madalena da Reparação, 1904.