Venerável Padre Giovanni Ciresola

Fundador da Congregação

Pobres Servas do Preciosíssimo Sangue

Cenáculo da Caridade

(30.05. 1903 – 13.04.1987)

Padre Giovanni Ciresola nasceu dia 30 de maio de 1902 em Quaderni de Villafranca -(Verona) – 12° filho de Francesco Ciresola e Francesca Maria Castelli. Pessoas humildes, mais rica de uma fé profunda e praticada.

Aos 11 anos, pensa seriamente em tornar realidade aquela que fora a sua predileta brincadeira da primeira infância, a de ser sacerdote, visto sentir interiormente a voz do Senhor que realmente o chamava.

A vocação do padre Ciresola nasce como vocação ao sacerdócio diocesano.

Tal vocação será fecundada pelo amor de Deus que ele, antes quer beber, para depois poder transmitir às almas a ele confiadas. Se por um lado experimenta sua pobre condição humana, por outro sente-se investido da graça do ministério sacerdotal, que supre suas faltas e lhe permite ser guia para outras pessoas.

San Giovanni Calabria - poster
São João Calábria, diretor espiritual do Ven. Padre Ciresola

Durante sua permanência em Cancello, por inspiração que acreditamos vinda do alto e em obediência ao seu diretor espiritual padre Calábria, Padre Ciresola começou a dar vida à família religiosa “Cenáculo da Caridade” ou Congregação “Pobres Servas do Preciosíssimo Sangue”.

“Sede santos por que eu sou santo” (1 Pe 1, 16). O desejo do nosso venerado Pai era tender continuamente à santidade, deixava-se conduzir pelo espírito, abandonava-se à Providência de Deus Pai e contava com os merecimento do Preciosíssimo Sangue de Jesus.

Descobriu a gratuidade do amor de Deus, a sua ternura e, como sacerdote, pároco e fundador, a transmitiu sempre a todas as pessoas que encontrou no fecundo caminho de sua vida, estimulando-as a se tornarem santas nesta ótica de fé: “Sem mim nada podeis fazer” (Jo 15,5). Seu empenho foi sempre incansável, vivo, disponível, abandonado à vontade de Deus.

Sua grande fé o fez viver e persistir nos momentos de graça e de consolação, como nos cansaços de caminhos lentos, hesitantes e obscuros.

Padre místico na ação, artesão de paz e de amor, aberto a toda novidade boa e profundamente enraizado na tradição da Igreja.

A vida do Padre foi uma súplica incessante, um louvor e uma ação de graças a Deus Pai, Deus Filho, Deus Espírito Santo.

O nosso perene obrigado à Santíssima Trindade por nos ter dado um tal Pai! Amem.


Pensamentos do Venerável Padre Giovanni Ciresola

“Nada nos deve distrair de Jesus. Tudo nos deve levar a ele”

“Doamo-nos a Jesus cada vez que sabemos imolar-nos no altar do sacrifício”

“Só de uma coisa devemos nos preocupar: amar a Jesus”

“É preciso viver continuamente de doação e de abandono”

“Doemo-nos, pois, sem reservas a Jesus, abandonemo-nos sem medo à sua ação, à sua Providência”

” O caminho é árduo, a meta sublime, porém a nossa confiança repousa unicamente na tua divina ajuda”.

” A vocação e o maior amor ao Senhor”

“Abandonar-nos a Deus com uma imensa fé, sem preocupar-nos com o amanhã. Deus nos guiará passo a passo e nada nos deixará faltar”.

“Deus primeiro só sempre tudo”

“Recorde que a Igreja não é uma instituição humana, mas é de origem divina”

“Uma alma que tem devoção a Eucaristia e a Nossa Senhora não só se salvará, mas se tornará logo santa e fará muito bem ás almas”

“Recorde muitas vezes na brevidade da vida presente e que uma eternidade nos espera”

“Sem humildade não pode haver caridade”


Oração

Ó Pai Eterno, na vossa grande bondade enriquecestes com dons o Sacerdote Giovanni Ciresola, farol de amor à Igreja; ele, que confiando no vosso Filho, fundou a Congregação “Pobres Servas do Preciosíssimo Sangue – Cenáculo da Caridade), para favorecer as vocações à vida Consagrada e para a santificação daqueles mais queridos ao Coração de Jesus: os Sacerdotes.

Eu vos dou muitas graças e vos peço, se estiver nos desígnios da Divina Providência, de glorificar na terra o vosso servo fiel, o sacerdote Giovanni Ciresola, concedei-me pela sua intercessão, a abundância de vosso Espírito e a graça particular que humildemente vos peço…

Glória o Pai” (Três vezes)

Ó Virgem Santíssima, que recebestes de Deus o privilégio de ser a Mãe do Salvador, escuta minha oração, e acompanhe com a vossa materna intercessão.

Ave Maria


Pobres Servas do Preciosíssimo Sangue

Cenáculo da Caridade

giovanniciresola1@gmail.com